Sismac
  • 14 | 02 | 2020 - 10:36 Negociação

    No dia 20, magistério define reivindicações da Campanha de Lutas 2020

    No dia 20, magistério define reivindicações da Campanha de Lutas 2020
    Assembleia também vai debater participação na mobilização nacional em defesa do serviço público do dia 18 de março

    Na próxima quinta-feira (20), as professoras e professores do magistério municipal se reúnem em assembleia para definir as reivindicações que serão cobradas do prefeito Rafael Greca na Campanha de Lutas 2020. A assembleia acontecerá na nova sede do SISMMAC (R. Nunes Machado, 1644 - Rebouças), com primeira chamada às 18h30 e segunda chamada às 19h.

    Pauta da assembleia do dia 20 de fevereiro:

    - Aprovação da Pauta de Reivindicações 2020;

    - Eleição dos representantes do magistério para o conselho do IPMC;

    - Eleição dos representantes do magistério para o conselho do Fundeb;

    - Participação dos servidores no ato nacional contra o desmonte do serviço público, convocado para o dia 18 de março.
    Além de definir as reivindicações, essa assembleia também marca o início da nossa mobilização para o que esperamos que seja a última negociação com Greca em uma Campanha de Lutas.

    2020 é ano de eleição municipal. Por isso, além de nos movimentarmos para garantir que Greca não se reeleja, também precisamos antecipar nossa mobilização para que as negociações da Campanha de Lutas ocorram antes que as restrições do calendário eleitoral entrem em vigor.

    Converse com os colegas de unidade e traga suas reivindicações para serem debatidas na assembleia! Vamos, juntos, preparar a mobilização em defesa de nossos direitos!

    No mesmo dia, também acontece a assembleia do conjunto das servidoras e servidores municipais representados pelo SISMUC. Além dos itens da pauta que são comuns a todos as servidoras e servidores, também serão debatidas as reivindicações específicas das diferentes categorias e segmentos.

    Mobilização nacional contra o desmonte do serviço público

    A assembleia também vai debater a participação magistério municipal na mobilização nacional do dia 18 de março, em defesa do serviço público para a população trabalhadora, dos direitos dos trabalhadores e contra as privatizações.

    Essa mobilização está sendo chamada em resposta aos ataques apresentados pelo governo Bolsonaro em novembro, que propõem a demissão de servidores concursados, o congelamento de crescimentos na carreira e a redução de salários com a redução da jornada de trabalho. Além dessas medidas, o governo pretende enviar ao Congresso a chamada Reforma Administrativa, que prevê o fim do direito à estabilidade, a redução dos pisos salariais, a extinção de carreiras e a redução de postos de trabalho.

    Esses ataques não prejudicam apenas as servidoras e servidores. Afetam o acesso dos trabalhadores e da população mais pobre à educação, saúde e demais direitos sociais garantidos na Constituição. Participe da assembleia para entender melhor o que esses ataques representam e junte-se à luta em defesa dos serviços públicos!

  • 14 | 02 | 2020 - 10:36 Negociação

    No dia 20, magistério define reivindicações da Campanha de Lutas 2020

    No dia 20, magistério define reivindicações da Campanha de Lutas 2020
    Assembleia também vai debater participação na mobilização nacional em defesa do serviço público do dia 18 de março

    Na próxima quinta-feira (20), as professoras e professores do magistério municipal se reúnem em assembleia para definir as reivindicações que serão cobradas do prefeito Rafael Greca na Campanha de Lutas 2020. A assembleia acontecerá na nova sede do SISMMAC (R. Nunes Machado, 1644 - Rebouças), com primeira chamada às 18h30 e segunda chamada às 19h.

    Pauta da assembleia do dia 20 de fevereiro:

    - Aprovação da Pauta de Reivindicações 2020;

    - Eleição dos representantes do magistério para o conselho do IPMC;

    - Eleição dos representantes do magistério para o conselho do Fundeb;

    - Participação dos servidores no ato nacional contra o desmonte do serviço público, convocado para o dia 18 de março.
    Além de definir as reivindicações, essa assembleia também marca o início da nossa mobilização para o que esperamos que seja a última negociação com Greca em uma Campanha de Lutas.

    2020 é ano de eleição municipal. Por isso, além de nos movimentarmos para garantir que Greca não se reeleja, também precisamos antecipar nossa mobilização para que as negociações da Campanha de Lutas ocorram antes que as restrições do calendário eleitoral entrem em vigor.

    Converse com os colegas de unidade e traga suas reivindicações para serem debatidas na assembleia! Vamos, juntos, preparar a mobilização em defesa de nossos direitos!

    No mesmo dia, também acontece a assembleia do conjunto das servidoras e servidores municipais representados pelo SISMUC. Além dos itens da pauta que são comuns a todos as servidoras e servidores, também serão debatidas as reivindicações específicas das diferentes categorias e segmentos.

    Mobilização nacional contra o desmonte do serviço público

    A assembleia também vai debater a participação magistério municipal na mobilização nacional do dia 18 de março, em defesa do serviço público para a população trabalhadora, dos direitos dos trabalhadores e contra as privatizações.

    Essa mobilização está sendo chamada em resposta aos ataques apresentados pelo governo Bolsonaro em novembro, que propõem a demissão de servidores concursados, o congelamento de crescimentos na carreira e a redução de salários com a redução da jornada de trabalho. Além dessas medidas, o governo pretende enviar ao Congresso a chamada Reforma Administrativa, que prevê o fim do direito à estabilidade, a redução dos pisos salariais, a extinção de carreiras e a redução de postos de trabalho.

    Esses ataques não prejudicam apenas as servidoras e servidores. Afetam o acesso dos trabalhadores e da população mais pobre à educação, saúde e demais direitos sociais garantidos na Constituição. Participe da assembleia para entender melhor o que esses ataques representam e junte-se à luta em defesa dos serviços públicos!

Rua Nunes Machado, 1644, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS