Sismac
  • 05 | 05 | 2021 - 15:16 Informe-se

    Nota de solidariedade à comunidade escolar de Saudades (SC)

    Nota de solidariedade à comunidade escolar de Saudades (SC)
    Ataque à creche em Saudades (SC) deixa cinco mortos, entre eles três crianças menores de dois anos de idade

    Nesta última terça-feira (4), três crianças com menos de dois anos de idade e duas professoras de uma escola infantil de Saudades (SC) morreram após um homem de 18 anos entrar no local e atingir as vítimas com um facão. Logo depois do atentado, o assassino deu golpes de faca no próprio corpo e se encontra em estado grave na UTI.

    Esse é um momento de profunda tristeza para a comunidade escolar e para todo o país que se chocou com a notícia dessa atrocidade, em especial os profissionais da educação que conhecem a realidade do espaço escolar e, além de testemunharem inúmeros casos de violência em escolas todos os anos, ainda enfrentam o desprezo crescente dos governos e da sociedade em relação aos trabalhadores da educação.

    Os educadores do Brasil estão em luto diante dessa tragédia e vão continuar sempre reivindicando mais segurança nas unidades de ensino, valorização da educação e melhores condições de trabalho.

    Os sindicatos SISMMAC e SISMUC, que representam os trabalhadores da educação em Curitiba, manifestam solidariedade à comunidade escolar em Saudades e às famílias e amigos das vítimas que enfrentam um momento muito difícil de dor e luto.

  • 05 | 05 | 2021 - 15:16 Informe-se

    Nota de solidariedade à comunidade escolar de Saudades (SC)

    Nota de solidariedade à comunidade escolar de Saudades (SC)
    Ataque à creche em Saudades (SC) deixa cinco mortos, entre eles três crianças menores de dois anos de idade

    Nesta última terça-feira (4), três crianças com menos de dois anos de idade e duas professoras de uma escola infantil de Saudades (SC) morreram após um homem de 18 anos entrar no local e atingir as vítimas com um facão. Logo depois do atentado, o assassino deu golpes de faca no próprio corpo e se encontra em estado grave na UTI.

    Esse é um momento de profunda tristeza para a comunidade escolar e para todo o país que se chocou com a notícia dessa atrocidade, em especial os profissionais da educação que conhecem a realidade do espaço escolar e, além de testemunharem inúmeros casos de violência em escolas todos os anos, ainda enfrentam o desprezo crescente dos governos e da sociedade em relação aos trabalhadores da educação.

    Os educadores do Brasil estão em luto diante dessa tragédia e vão continuar sempre reivindicando mais segurança nas unidades de ensino, valorização da educação e melhores condições de trabalho.

    Os sindicatos SISMMAC e SISMUC, que representam os trabalhadores da educação em Curitiba, manifestam solidariedade à comunidade escolar em Saudades e às famílias e amigos das vítimas que enfrentam um momento muito difícil de dor e luto.

Rua Nunes Machado, 1644, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS