Sismac

Notícias | Pedagogas

Imprimir
  • Comissão debate relação do pedagogo com a comunidade
    A primeira reunião foi realizada no dia 20 de maio.
    03 | 06 | 2016 - 14:22 Pedagogas

    Comissão debate relação do pedagogo com a comunidade

    Comissão para revisão do decreto 35/2016 fortaleceu o entendimento do trabalho coletivo junto ao educando

    Ocorreu nesta quinta-feira (02) a segunda reunião da comissão de trabalho para revisão das atribuições na área de atuação da pedagogia escolar, em que a comissão estabeleceu uma metodologia para a realização do debate junto ao segmento. A última atualização ocorreu em 2001 logo após a aprovação da lei 10190/11. Deverão acontecer reuniões nos dez Núcleos Regionais com participação de todos os pedagogos do Ensino Fundamental e da Educação Infantil. Conforme a SME, esses encontros serão realizados entre as duas últimas semanas de junho.

    A direção do SISMMAC evidenciou a importância de que na próxima reunião, prevista para o dia 15 de junho, já tenhamos as datas e os locais dos encontros para que possamos divulgar e acompanhar. Neste encontro, também foi realizado o debate a respeito do trabalho do pedagogo junto à comunidade escolar. No próximo encontro, o conteúdo do debate será os itens relacionados ao Planejamento e Avaliação.

    Funções Correlatas

    O item mais polêmico do decreto indica que o pedagogo deve realizar funções correlatas pertinentes ao cargo. Para que não se legalize o desvio de função, a direção do SISMMAC defendeu que esse item seja alterado, especificando que as funções correlatas devem ser diretamente ligadas ao cargo, área de atuação e sumário das atribuições.

    Não podemos abrir margem para que atividades de outras áreas de atuação sejam cobradas das pedagogas, garantindo assim maior segurança para as profissionais se respaldarem com relação as realizações de suas atribuições. Para além disso, a direção do SISMMAC também cobrou um maior acompanhamento por parte da administração das unidades em que estejam ocorrendo esses casos.

    Acredita-se que com a revisão do decreto e amplo debate das reais funções dos pedagogos, possamos garantir na prática que nenhum profissional se submeta a atividades que não sejam peculiares à atividade pedagógica.

    Formulário para Consulta Pública

    Além da organização das reuniões, a comissão aprovou um formulário de consulta a respeito das funções do pedagogo na rede municipal. Neste formulário, serão disponibilizados os apontamentos da comissão a respeito da revisão do decreto e os participantes poderão concordar com as alterações ou discordar, bem como realizar novos apontamentos. Todos os profissionais da rede municipal de Curitiba poderão participar desta consulta que terá caráter auxiliador para a comissão de trabalho.

    A comissão que tem atuado nesta revisão foi instituída a partir de reivindicação do segmento de pedagogas junto ao SISMMAC e acordada com a SME desde outubro de 2015. As participantes do segmento foram eleitas em reunião realizada em novembro de 2015 no SISMMAC. Confira:

    Titulares (matrícula):
    Viviane Aparecida Bastos Pampu (135382/159190)
    Rosana Faglioni Carrasco de Almeida (37200)
    Cristiane Bianchini (72334)
    Juliana Zeni Ostroski (54938/57508)
    Grazielle Tallar Triaquim (163925)

    Suplentes (matrícula):
    Francielly da Silva Costa (80367/177161)
    Wagner Rodrigues Batista (159197)
    Luciana de Melo Soriano Kopsch (132738/178604)
    Silvana Della Torre (54931)
    Lara Wasilewski (53149)

  • 03 | 06 | 2016 - 14:22 Pedagogas
    Comissão debate relação do pedagogo com a comunidade
    A primeira reunião foi realizada no dia 20 de maio.

    Comissão debate relação do pedagogo com a comunidade

    Comissão para revisão do decreto 35/2016 fortaleceu o entendimento do trabalho coletivo junto ao educando

    Ocorreu nesta quinta-feira (02) a segunda reunião da comissão de trabalho para revisão das atribuições na área de atuação da pedagogia escolar, em que a comissão estabeleceu uma metodologia para a realização do debate junto ao segmento. A última atualização ocorreu em 2001 logo após a aprovação da lei 10190/11. Deverão acontecer reuniões nos dez Núcleos Regionais com participação de todos os pedagogos do Ensino Fundamental e da Educação Infantil. Conforme a SME, esses encontros serão realizados entre as duas últimas semanas de junho.

    A direção do SISMMAC evidenciou a importância de que na próxima reunião, prevista para o dia 15 de junho, já tenhamos as datas e os locais dos encontros para que possamos divulgar e acompanhar. Neste encontro, também foi realizado o debate a respeito do trabalho do pedagogo junto à comunidade escolar. No próximo encontro, o conteúdo do debate será os itens relacionados ao Planejamento e Avaliação.

    Funções Correlatas

    O item mais polêmico do decreto indica que o pedagogo deve realizar funções correlatas pertinentes ao cargo. Para que não se legalize o desvio de função, a direção do SISMMAC defendeu que esse item seja alterado, especificando que as funções correlatas devem ser diretamente ligadas ao cargo, área de atuação e sumário das atribuições.

    Não podemos abrir margem para que atividades de outras áreas de atuação sejam cobradas das pedagogas, garantindo assim maior segurança para as profissionais se respaldarem com relação as realizações de suas atribuições. Para além disso, a direção do SISMMAC também cobrou um maior acompanhamento por parte da administração das unidades em que estejam ocorrendo esses casos.

    Acredita-se que com a revisão do decreto e amplo debate das reais funções dos pedagogos, possamos garantir na prática que nenhum profissional se submeta a atividades que não sejam peculiares à atividade pedagógica.

    Formulário para Consulta Pública

    Além da organização das reuniões, a comissão aprovou um formulário de consulta a respeito das funções do pedagogo na rede municipal. Neste formulário, serão disponibilizados os apontamentos da comissão a respeito da revisão do decreto e os participantes poderão concordar com as alterações ou discordar, bem como realizar novos apontamentos. Todos os profissionais da rede municipal de Curitiba poderão participar desta consulta que terá caráter auxiliador para a comissão de trabalho.

    A comissão que tem atuado nesta revisão foi instituída a partir de reivindicação do segmento de pedagogas junto ao SISMMAC e acordada com a SME desde outubro de 2015. As participantes do segmento foram eleitas em reunião realizada em novembro de 2015 no SISMMAC. Confira:

    Titulares (matrícula):
    Viviane Aparecida Bastos Pampu (135382/159190)
    Rosana Faglioni Carrasco de Almeida (37200)
    Cristiane Bianchini (72334)
    Juliana Zeni Ostroski (54938/57508)
    Grazielle Tallar Triaquim (163925)

    Suplentes (matrícula):
    Francielly da Silva Costa (80367/177161)
    Wagner Rodrigues Batista (159197)
    Luciana de Melo Soriano Kopsch (132738/178604)
    Silvana Della Torre (54931)
    Lara Wasilewski (53149)

Rua Nunes Machado, 1644, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS