Sismac

Notícias | Informe-se!

Imprimir
  • SISMMAC cobra realização do remanejamento em 2017
    07 | 11 | 2017 - 18:50 Informe-se

    SISMMAC cobra realização do remanejamento em 2017

    Após cobrança, representantes da administração afirmaram que processo será iniciado este ano

    A direção do SISMMAC esteve nesta terça-feira (7) no Edifício Delta para cobrar pela terceira vez a realização de uma reunião sobre a eleição de diretores e a organização do remanejamento.

    Eleição de diretores

    Na última segunda-feira (6), a Câmara Municipal aprovou regime de urgência na tramitação do projeto que altera a Lei 14.528/2014, que regulamenta a eleição de diretores. A previsão é que o projeto entre em votação no plenário no dia 13 de novembro.

    A Prefeitura desrespeitou a comissão responsável pela revisão da lei: enviou um projeto que contempla apenas alterações de cunho burocrático e atrasou em 40 dias o envio da proposta à Câmara Municipal. Por causa dessas manobras, ainda não há data para as eleições, o que atrapalha a democracia do processo e pode prejudica o remanejamento.
    Após passar pelas secretarias de Educação e Recursos Humanos, conseguimos a informação de que a primeira reunião da comissão de remanejamento deve ocorrer no início da semana que vem. O SISMMAC já enviou ofício com o nome dos integrantes que irão compor essa comissão.

    Em comparação com o ano anterior, a organização do remanejamento já completou um mês de atraso. Apesar da demora, representantes da administração afirmaram que a intenção é realizar a maior parte do remanejamento antes do final do ano.

    A notícia não deve diminuir nossa preocupação em relação ao remanejamento. O magistério deve continuar em estado de alerta para exigir quenão haja qualquer retrocesso ou retirada de direitos.

    O atraso na eleição de diretores e na organização do remanejamento pode indicar que a Prefeitura pretende mexer no dimensionamento e reduzir o número de professores nas escolas, da mesma forma que tenta fazer agora com os CMEIs.

Imprimir
  • 07 | 11 | 2017 - 18:50 Informe-se
    SISMMAC cobra realização do remanejamento em 2017

    SISMMAC cobra realização do remanejamento em 2017

    Após cobrança, representantes da administração afirmaram que processo será iniciado este ano

    A direção do SISMMAC esteve nesta terça-feira (7) no Edifício Delta para cobrar pela terceira vez a realização de uma reunião sobre a eleição de diretores e a organização do remanejamento.

    Eleição de diretores

    Na última segunda-feira (6), a Câmara Municipal aprovou regime de urgência na tramitação do projeto que altera a Lei 14.528/2014, que regulamenta a eleição de diretores. A previsão é que o projeto entre em votação no plenário no dia 13 de novembro.

    A Prefeitura desrespeitou a comissão responsável pela revisão da lei: enviou um projeto que contempla apenas alterações de cunho burocrático e atrasou em 40 dias o envio da proposta à Câmara Municipal. Por causa dessas manobras, ainda não há data para as eleições, o que atrapalha a democracia do processo e pode prejudica o remanejamento.
    Após passar pelas secretarias de Educação e Recursos Humanos, conseguimos a informação de que a primeira reunião da comissão de remanejamento deve ocorrer no início da semana que vem. O SISMMAC já enviou ofício com o nome dos integrantes que irão compor essa comissão.

    Em comparação com o ano anterior, a organização do remanejamento já completou um mês de atraso. Apesar da demora, representantes da administração afirmaram que a intenção é realizar a maior parte do remanejamento antes do final do ano.

    A notícia não deve diminuir nossa preocupação em relação ao remanejamento. O magistério deve continuar em estado de alerta para exigir quenão haja qualquer retrocesso ou retirada de direitos.

    O atraso na eleição de diretores e na organização do remanejamento pode indicar que a Prefeitura pretende mexer no dimensionamento e reduzir o número de professores nas escolas, da mesma forma que tenta fazer agora com os CMEIs.

Rua Nunes Machado, 1577, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS