Sismac

Notícias | Informe-se!

Imprimir
  • No dia 11, o magistério vai parar 20 minutos para não perder 20 anos
    09 | 11 | 2016 - 12:47 Mobilização

    No dia 11, o magistério vai parar 20 minutos para não perder 20 anos

    Professoras e professores de Curitiba vão atrasar entrada no dia 11 e paralisar as aulas no dia 25 de novembro

    Nesta sexta-feira (11), o magistério de Curitiba vai atrasar em 20 minutos o horário de entrada dos alunos em protesto contra a Proposta de Emenda Constitucional que ameaça congelar por 20 anos os investimentos em serviços públicos.

    Durante essa paralisação, vamos panfletar e conversar com as mães e pais de nossos alunos sobre os graves ataques aos direitos dos trabalhadores. Além da ameaça de congelamento, que tramita no Senado Federal, sofremos outras tentativas de retirada de direitos. É o caso da proposta de ampliação da terceirização e do aumento da idade mínima para aposentadoria de todos os trabalhadores.

    O SISMMAC preparou um panfleto para ser distribuído durante o atraso de 20 minutos. O material explica os principais motivos da greve marcada para o dia 25 e convida as mães e pais de nossos alunos a se somarem conosco na manifestação que será realizada no dia 20, na Feirinha do Largo da Ordem.

    Não deixe seu local de trabalho de fora dessa mobilização! Converse com seus colegas e ajude a organizar a panfletagem! A mobilização do dia 11 de novembro será mais um momento para informar e envolver as trabalhadoras e trabalhadores que têm filhos matriculados na escola na luta em defesa de direitos!

    Mobilização

    Na assembleia do último dia 3 de novembro, o magistério aprovou um calendário de mobilização que acompanha o movimento nacional de construção da Greve Geral. Além do atraso de 20 minutos nesta sexta, as professoras e professores de Curitiba cruzarão os braços e paralisar as aulas no dia 25 de novembro.

  • 09 | 11 | 2016 - 12:47 Mobilização
    No dia 11, o magistério vai parar 20 minutos para não perder 20 anos

    No dia 11, o magistério vai parar 20 minutos para não perder 20 anos

    Professoras e professores de Curitiba vão atrasar entrada no dia 11 e paralisar as aulas no dia 25 de novembro

    Nesta sexta-feira (11), o magistério de Curitiba vai atrasar em 20 minutos o horário de entrada dos alunos em protesto contra a Proposta de Emenda Constitucional que ameaça congelar por 20 anos os investimentos em serviços públicos.

    Durante essa paralisação, vamos panfletar e conversar com as mães e pais de nossos alunos sobre os graves ataques aos direitos dos trabalhadores. Além da ameaça de congelamento, que tramita no Senado Federal, sofremos outras tentativas de retirada de direitos. É o caso da proposta de ampliação da terceirização e do aumento da idade mínima para aposentadoria de todos os trabalhadores.

    O SISMMAC preparou um panfleto para ser distribuído durante o atraso de 20 minutos. O material explica os principais motivos da greve marcada para o dia 25 e convida as mães e pais de nossos alunos a se somarem conosco na manifestação que será realizada no dia 20, na Feirinha do Largo da Ordem.

    Não deixe seu local de trabalho de fora dessa mobilização! Converse com seus colegas e ajude a organizar a panfletagem! A mobilização do dia 11 de novembro será mais um momento para informar e envolver as trabalhadoras e trabalhadores que têm filhos matriculados na escola na luta em defesa de direitos!

    Mobilização

    Na assembleia do último dia 3 de novembro, o magistério aprovou um calendário de mobilização que acompanha o movimento nacional de construção da Greve Geral. Além do atraso de 20 minutos nesta sexta, as professoras e professores de Curitiba cruzarão os braços e paralisar as aulas no dia 25 de novembro.

Rua Nunes Machado, 1644, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS