Sismac

Notícias | Negociação

Imprimir
  • Assembleia definirá mobilização e Pauta Geral de Reivindicações
    18 | 05 | 2016 - 10:01 Mobilização

    Assembleia definirá mobilização e Pauta Geral de Reivindicações

    Participe da assembleia que será realizada no dia 24 de maio e ajude a mobilizar os colegas da sua unidade!

    Na próxima terça-feira (24), o magistério de Curitiba se reúne em assembleia dar continuidade à Campanha de Lutas 2016. Além de definir a Pauta Geral de Reivindicações que será entregue à Prefeitura, as professoras e professores também vão organizar a mobilização para cobrar o pagamento do retroativo do crescimento vertical.

    A assembleia acontece na sede do SISMMAC (Rua Nunes Machado, 1577 – Rebouças), às 18h30 em primeira convocação e às 19h em segunda convocação.

    Participe da assembleia e ajude a mobilizar os colegas da sua unidade!

    A união e participação ativa do magistério na definição de nossas reivindicações e estratégias de luta são passos fundamentais para fortalecer nossa mobilização por direitos. Diante das ameaças de cortes no serviço público e na educação, é necessário preparar nossa organização e luta por nenhum direito a menos e para avançar rumo a novas conquistas! 

    Pauta Geral de Reivindicações

    Na assembleia do dia 24, vamos avaliar todas as propostas levantadas nas nove reuniões específicas realizadas nos meses de abril e maio com os vários segmentos do magistério. Nesses encontros, conseguimos aprofundar o debate e entender melhor os problemas que afetam as condições de trabalho nas diferentes modalidades e níveis de ensino.

    Agora, o próximo passo é unificar todas as essas propostas em uma Pauta de Reivindicações única do magistério de Curitiba! É hora de unir forças para cobrar avanços na qualidade da educação infantil, educação integral educação especial, séries iniciais e finais e do trabalho pedagógico.

    Crescimento vertical

    A Prefeitura quer atrasar em seis meses o pagamento do crescimento vertical e se recusa a pagar o retroativo dos valores que as professoras e professores deixarão de receber por causa desse atraso. A administração municipal usa a crise como desculpa e alega que a Lei 10.190/01 não estabelece datas para o pagamento.

    Use o simulador desenvolvido pelo SISMMAC, em conjunto com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), para ver o quanto você vai deixar de receber por causa desse atraso da Prefeitura!

    Não vamos aceitar de cabeça baixa essa tentativa de calote! Participe da assembleia e venha organizar nossa mobilização para enfrentar mais esse ataque da administração municipal.

    Eleição do segmento de diretores de escola para o Conselho do Fundeb

    Na assembleia do dia 24 de maio, o magistério elegerá um representante e um suplente, entre as diretoras e diretores de escola, para o Conselho do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

    A categoria já elegeu em assembleia as conselheiras que representam o segmento dos professores. Na assembleia do dia 5 de abril, a professora Francielly Costa foi eleita como titular e a professora Rosana Almeida, como suplente, para um mandato de dois anos.

    Esse conselho tem como principal tarefa fiscalizar a forma como o município de Curitiba utiliza a verba destinada e recebida do Fundeb.

Imprimir
  • 18 | 05 | 2016 - 10:01 Mobilização
    Assembleia definirá mobilização e Pauta Geral de Reivindicações

    Assembleia definirá mobilização e Pauta Geral de Reivindicações

    Participe da assembleia que será realizada no dia 24 de maio e ajude a mobilizar os colegas da sua unidade!

    Na próxima terça-feira (24), o magistério de Curitiba se reúne em assembleia dar continuidade à Campanha de Lutas 2016. Além de definir a Pauta Geral de Reivindicações que será entregue à Prefeitura, as professoras e professores também vão organizar a mobilização para cobrar o pagamento do retroativo do crescimento vertical.

    A assembleia acontece na sede do SISMMAC (Rua Nunes Machado, 1577 – Rebouças), às 18h30 em primeira convocação e às 19h em segunda convocação.

    Participe da assembleia e ajude a mobilizar os colegas da sua unidade!

    A união e participação ativa do magistério na definição de nossas reivindicações e estratégias de luta são passos fundamentais para fortalecer nossa mobilização por direitos. Diante das ameaças de cortes no serviço público e na educação, é necessário preparar nossa organização e luta por nenhum direito a menos e para avançar rumo a novas conquistas! 

    Pauta Geral de Reivindicações

    Na assembleia do dia 24, vamos avaliar todas as propostas levantadas nas nove reuniões específicas realizadas nos meses de abril e maio com os vários segmentos do magistério. Nesses encontros, conseguimos aprofundar o debate e entender melhor os problemas que afetam as condições de trabalho nas diferentes modalidades e níveis de ensino.

    Agora, o próximo passo é unificar todas as essas propostas em uma Pauta de Reivindicações única do magistério de Curitiba! É hora de unir forças para cobrar avanços na qualidade da educação infantil, educação integral educação especial, séries iniciais e finais e do trabalho pedagógico.

    Crescimento vertical

    A Prefeitura quer atrasar em seis meses o pagamento do crescimento vertical e se recusa a pagar o retroativo dos valores que as professoras e professores deixarão de receber por causa desse atraso. A administração municipal usa a crise como desculpa e alega que a Lei 10.190/01 não estabelece datas para o pagamento.

    Use o simulador desenvolvido pelo SISMMAC, em conjunto com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), para ver o quanto você vai deixar de receber por causa desse atraso da Prefeitura!

    Não vamos aceitar de cabeça baixa essa tentativa de calote! Participe da assembleia e venha organizar nossa mobilização para enfrentar mais esse ataque da administração municipal.

    Eleição do segmento de diretores de escola para o Conselho do Fundeb

    Na assembleia do dia 24 de maio, o magistério elegerá um representante e um suplente, entre as diretoras e diretores de escola, para o Conselho do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

    A categoria já elegeu em assembleia as conselheiras que representam o segmento dos professores. Na assembleia do dia 5 de abril, a professora Francielly Costa foi eleita como titular e a professora Rosana Almeida, como suplente, para um mandato de dois anos.

    Esse conselho tem como principal tarefa fiscalizar a forma como o município de Curitiba utiliza a verba destinada e recebida do Fundeb.

Rua Nunes Machado, 1577, Rebouças – Curitiba / PR, CEP. 80.220-070 - Fone/Fax.: (41) 3225-6729

DOHMS